O dia em que o Ontañon venceu o Vega Sicilia

Tudo é relativo, e a questão aqui é gosto e não preço.

Numa reunião entre amigo provamos…

Foto: Evandro Silva

– Ontañon Gran Reserva 1998 – Rioja
– Vega Sicilia cosecha 1998 “UNICO” – Ribera del Duero
– La Rioja Alta Gran Reserva 904 cosecha 2004 – Rioja

Primeiramente é importante informar que todos os vinhos estavam ótimos.
Os vinhos de 1998 tanto Rioja, quanto o Ribera del Duero são oriundos de safras muito boas.
Já o La Rioja Alta, é proveniente de uma safra excelente.

Como curiosidade, o Vega Sicilia 1998 “UNICO” foi elaborado com 92% de Tinto Fino (Tempranillo) e 8% Cabernet Sauvignon. Leva aproximadamente 10 anos para ficar pronto, pois passa por diversos tipos de madeira, depois estagia por volta de 6 anos na garrafa até ir ao mercado.
O Ontañon Gran Reserva 1998 é elaborado com 95% Tempranillo e 5% Graciano, e o LA Rioja Alta 2004 é composto por 90% Tempranillo e 10% Graciano.

Todos tem predominância da uva Tempranillo, mesmo o Vega Sicilia que está em região diferente dos demais.

Conclusão: Todos estavam ótimos, o La Rioja Alta como sempre faz bonito, leve e bem elegante. O Vega Sicilia era o grande nome da noite, decantou, decantou e não encantou tanto, mas estava muito bom. Por fim, o Ontañon fez bonito, leve, macio como uma seca e impressionante a cada gole.

Beba com moderação e seja feliz!

Fotos/Publicado por: Evandro Silva

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s