O que gosto em São Paulo…

Hoje São Paulo faz 461 anos. Capital do stress, da vida agitada, a cidade que nunca dorme e umas das principais cidades de gastronomia do mundo. Aqui pode-se comer de tudo e quase a qualquer hora. Coisas além do virado a paulista de segunda, da feijoada de quarta e sábado e por ai vai…
Paulistano com sou, desde a infância rodo a cidade e a cada ano conheço algo diferente.
Pensando nisso, fiz uma lista com os lugares que mais gosto de comer nesta cidade. Muita coisa ficará de fora, também seria praticamente impossível lembrar e colocar tudo num só post. Se fosse possível, seria uma Barsa Paulistana da Gastronomia.

São eles:

Feijoada: Bar do Nico
Vou começar pela feijoada, acredito ser o prato mais famoso desta cidade. Muito se fala da famosa feijoada do Bolinha, é boa mas muito cara. Saio do Sudoeste da cidade em direção ao Sudeste, são mais de 20km para comer na minha opinião a melhor feijoada. Servida de maneira tradicional na cumbuca, traz o torresmo, a laranja, a bisteca e tudo o que a feijoada tem que ter.

Pizza: Quick Pizza
Não se pode negar que a cidade tem por tradição a pizza. Preferencialmente de terça a domingo as pizzarias seja no balcão ou delivery produzem milhares para saciar a fome do paulistano. Há muitas famosas como a Speranza, 1900, Veridiana, Bráz, Camelo, Primo Basílico e por ai vai. São todas ótimas, mas apesar de ter uma 1900 e uma Camelo do lado de casa, a minha preferência vai para a Quick Pizza no Morumbi. Os proprietários Roberto e Junior, comandam a pizzaria com maestria e não abrem mão de usar produtos de primeira. Gosto muito de duas pizzas: a de alho negro e a de Nutella com banana.

Massa/Pasta: Famiglia Mancini
Outro tradicional prato da culinária paulistana, a pasta. São milhares de restaurantes que oferecem diversos tipos e opções desta maravilha que veio com os imigrantes italianos. Bairros tradicionais com o Bixiga, formado por imigrantes italianos recém-chegados ao Brasil é popular por suas cantinas e pela festa de Nossa Senhora Achiropita, onde milhares de paulistanos e turistas se espremem em filas intermináveis por um prato de massa.
Minha escolha foi para o tradicional e turístico Famiglia Mancini, vou lá desde que tirei minha habilitação e praticamente não deixo de ir ao menos uma vez ao ano.

Frutos do Mar: Red Lobster
Aqui em São Paulo não é muito barato comer frutos do mar. Não temos praia e isso dificulta. Há muitas opções boas, como o festival de frutos do mar do Baby Beef Rubaiyat, mas é caro! Por uma questão de custo x benefício, meu voto vai para a rede americana.

Comida Japonesa: Sushi Den
É uma restaurante bem pequeno no bairro do Morumbi. São aproximadamente 29 lugares, onde os frequentadores do bairro e principalmente moradores são atendidos de forma quase que exclusiva. Muitos só chegam, sentam e esperam sua comida sem nem mesmo pedir, pois o sushiman já conhece o cliente.
O casal Bruna Lombardi e Carlos Alberto Riccelli, são fraquentadores do lugar. No Sushi Den se come o que há melhor da comida japonesa.
Quer um sashimi com Foie-gras? Lá tem!

Carnes: Bassi
O famoso Templo da Carne no bairro da Bela Vista. Um ótimo lugar para comer uma bela carne e muito bem assada. O preço é justo, o que faz deste restaurante o meu preferido. Uma outra segunda opção é o Corrientes 348.

Comida Natural: Moinho de Pedra
Não sou lá especialista no assunto, mas recebi uma referência, provei e gostei muito do Moinho de Pedra.

Comida Nordestina: Restaurante Andrade
Faz muitos anos que vou neste restaurante, na minha opinião tem o melhor Baião-de-dois da cidade. O ambiente é bem típico, tem show de forró à noite, mas nada que o incomode de comer. Lá é o único lugar que encontrei um suco típico nordestino: mangaba. Tem um bons anos que não volto lá, está na hora de fazer uma visita.

Acarajé: Tabuleiro do Marconi
Deixei minha comida preferida com um destaque, o acarajé. Já provei muitos, gostava de um que as baianas faziam na praça da República, depois não fui lá mais, sinceramente nem sei se existe a tal feira ainda. O acarajé do Tabuleiro não é aquele que se encontra nas praias, mas é uma versão bem melhorada da barraca dos acarajés do nordeste. Quem conhece, sabe do que estou falando.

Sanduíche: Estadão
Agora nesta moda de tudo gourmet, o bar Estadão vai na contramão e serve o tradicional. Eleito como o melhor sanduíche de pernil da cidade, o Estadão fica 24 horas aberto e a noite pode-se encontrar do policial, segurança a profissionais de vários ramos comendo nos balcões apertados do bar. Para se ter uma idéia, na madrugada de terça para quarta e sexta para sábado, é possível comer uma boa feijoada.

Pastél: Barraca do Hortifruti do Campo Portal do Morumbi
Os pastéis de feira são muito populares nesta cidade, principalmente dos japoneses. São diversas barracas localizadas estratégicamente na ponta das feiras de rua que oferecem ótimos pastéis para todos os gostos. De carne, palmito, pizza, queijo e bauru acredito que são os mais tradicionais. Não podemos nos esquecer é da garapa (caldo de cana). Onde há uma barraca de pastel, ao lado há uma de caldo de cana.
Lembro-me da época de moleque jogando bola na Rua Arizona, e voltando para casa pela praça da Rua Texas onde comida o melhor pastel.
Aqui hoje se fala muito dos premiados pastéis da feira do Estádio do Pacaembu, mas recentemente estive lá e não vi nada demais.
Por isso meu voto continua para o pastel da barraca do Hortifruti do Campo.

Lugar para provar de tudo: Mercado Municipal
O famoso Mercadão! Frequento este lugar desde os meus 5 anos de idade, quando meu pai tinha um box de cereais no Mercadão.
Na época não era tão frequentado, apenas alguns comerciantes e pessoas que viviam nas proximidades faziam suas compras ali.
Os anos se passaram, o Mercadão se modernizou e hoje é um dos principais pontos turísticos da cidade.
Quem já não ouviu falar do pastel de bacalhau e do sanduíche de mortadela? São duas coisas que os turistas mais procuram para comer no Mercadão.
Só não se engane, o verdadeiro sanduíche do mortadela é do bar do Mané. Desde de que me conheço por gente, pulava na frente do alto balcão para pedir a minha coxinha de frango no palito e o sanduíche de mortadela para o seu Mané.

SaoPaulo_cidade

Bom, como todo paulistano sou bairrista e raramente saio da minha zona!

Parabéns São Paulo da zona Norte, Sul, Leste e Oeste!

Foto e edição: Evandro Silva

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s